sexta-feira, 16 de julho de 2010

Sem pé, mas com cabeça

Depois de alguns dias sem idéias, estou aqui novamente para falar sobre... bom, ainda não estou bem certo...

Não, não estou "avacalhando" o blog, apenas devo estar sentindo falta das vuvuzelas. Confesso que fiquei viciado em copa do mundo, mas essa abstinência vai passar, pois logo logo, a nossa mídia vai fabricar novamente outro assunto e ocupar nossa cabeça para que continuemos como parasitas em frente à televisão, não fazendo nada para mudar o que existe de ruim em nosso país.

Não pretendo fazer uma análise da mídia, já que seria redundante bater na tecla de que ela fabrica informações que aquietam a sociedade por determinado período. Mas é incrível como ela é importante para o país, para o mundo e como os donos dos conglomerados de comunicação não valorizam isso como deveriam.

Estamos vivendo tempos onde há excesso de informações, estudos indicam que as novas informações adquiridas em 2010, são as mesmas acumuladas nos últimos 5 mil anos. Portanto, mudanças devem ser feitas, a começar pelo tipo de notícia veiculada, já que a imprensa, no meu modo de ver, tem um papel vital na remodelação cultural de nossa sociedade. De nada adianta um enxurrada de informações, sendo que em seguida ela é encoberta por outra enxurrada. Um padrão mais linear deveria ser aplicado, pois assim, consequentemente, não seríamos taxados como povo sem memória.

Evidentemente, há interesses entre a mídia e principalmente a política, aí é que entra a outra parte da falada remodelação cultural da sociedade. A parte do povo. Somente deixando de ser um povo passivo, vamos mudar o atual cenário, onde ciclos de impunidade se repetem. Unindo as informações e denúncias da imprensa com a ação da sociedade, podemos deixar de ser parasitas em frente à televisão e fazer uma troca com a imprensa onde um colabora com a mudança e evolução do outro.


Um comentário:

  1. A mídia, ao que me parece, cairá de cabeça com a cobertura das eleições. No caso de S.P. ela tratará principalmente a de presidente, pois a intenção é que o PT saia do comando e o PSDB entre.

    A população deverá pensar bastante ao receber esse turbilhão de fatos novos, pois em muitos casos eles são dúbios com intuito de manipular de acordo com seus próprios interesses.

    ResponderExcluir